domingo, 6 de junho de 2010

Aureliôôôôô

Como assim!
Não é amor o que sinto?
Qual a sua denominação?

Ultrapassa a amizade,
O desejo, o tesão...
Qual a sua denominação?

Se fico sem fome, não durmo,
Perco a respiração...
Enfim, qual a sua denominação?

Em todos os aromas, teu cheiro!
Em todos os sabores, teu gosto!
Eternamente na minha visão!

Por favor, qual a sua denominação?
Talvez eu minta,
Mas não sei não,

Acho que é amor o que sinto...
Ou qual o seu nome então?

2 comentários:

clenio disse...

aiai...
ata ata assim vc me mata...
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
saudades de tu nego!

Gerana Damulakis disse...

Claro que é.