quinta-feira, 17 de julho de 2008

Poema de Amanda

Rudá
Garoto fácil de se amar
Lindinho, gordinho.
Já gosta de um denguinho.

Imagine!
Que garoto preguiçoso.
É só botá-lo na água
Que ele chora grosso!

Esse menino Rudá todo mundo vai
Beijar, pegar, carregar e apertar
Mas na sua caminha, ele não vai deixar ninguém entrar!

* Amanda, amiguinha de Rudá de 10 anos, o conheceu hoje e fez esse poeminha para ele. Achei mais lindo do qualquer coisa que eu escrevesse. Obrigado, Amanda!

5 comentários:

Maria Paternostro disse...

Rudá tão pequeno e já tem poema escrito por uma amiga de 10 anos. Demais de lindo né?!

Bernardo Guimarães disse...

10 ANOS??!!! ESTA MENINA DÁ PAU NAQUELE ASTRÓLOGO FAJUTO!!!!

maria guimarães sampaio disse...

uma barato!
hoje eu iria aí conhecer Rudá, com dona Clara. Não rolou. Beijos Maria

Amanda disse...

Oi gente!
Eu sou Amanda, a menina que escreveu esse poema.
Entrei no Blog e fiquei super feliz com os elogios!
Muito obrigada!

Amanda

AMANDA disse...

Oi gente!
Eu sou Amanda,a menina que escreveu a poesia de Rudá.
Entrei nesse Blog e li todos os elogios, e estou super feliz!
Muito obrigada!

Super Beijos!!!