segunda-feira, 19 de abril de 2010

Validade das coisas

Edu, meu lindo! Voltei para dizer que adorei o espetáculo. Como lhe falei, ele é intenso, poético, sutil, despretensioso e, por isso tudo, belo...sem ser piegas, sem ser vitimizante, sem ser triste. E eu acho que é tudo isso pq é sincero, é vc, de vc, sobre vc... que acaba alcançando a gente. hoje vc me ajudou a dar nome a algo que sempre me incomodou Tb: o não saber lidar com o prazo de validade das coisas. Qdo vc diz isso, vc diz revelando algo que lhe incomoda mas, ao mesmo tempo sabe que não há como a vida ser diferente. E eu Tb penso assim. Obrigada pelo momento artístico.


Mas é importante pontuar, como vc fez na resposta, o trabalho da equipe, e de Lucas que está no palco com vc. E eu reconheço isso também...muito, pois acredito que os trabalhos frutos de compartilhamentos tem diferencial. Certamente todos são parte da beleza que é Odete.


PS: Confesso que achei que iria ver algo parecido ou próximo de Judite. Mas não tem nada a ver...apesar de ter a mesma assinatura.




Bj, nora. (Eleonora Santos)


Resolvi compartilhar com vcs, pois acredito plenamente nessa energia da arte que nos renova e que nos faz seguir em frente,mesmo quando estamos vivendo/e/ou passando por momentos ´´nebulosos´´... eis que sexta(16/04)fui ao Teatro Vila Velha assistir o trabalho do meu querido Edu O. /ODETE TRAGA SEUS MORTOS. Com certeza valeu muito, muito mesmo ter tido o imenso prazer de assistir um trabalho maravilhoso. Poético e ao mesmo tempo visceral,questionador,abrangente do ponto de vista dos artistas,mais que te faz pensar,fazer uma viagem introspectiva,autobiográfica...que te faz tirar os pés do chão literalmente...que te faz repensar muitas coisas. Sai do teatro extasiada,emocionada e com a alma em paz. Agora vou conferir Judite!


BJS.ADIL ARAÚJO




Pedi autorização a Nora e Adil para publicar seus emails. Só tenho a agradecer e ficar me emocionando toda vez que leio.

Ontem recebi também a ilustre presença do poeta Nilson, e-amigo e parceiro da rede de blogs que fizemos por aqui. Fiquei muito contente!

3 comentários:

Luli Facciolla disse...

Tem jeito não, amigo!
Pegou! rsrsrs

Beijos

Gerana Damulakis disse...

E nós gostamos que vc compartilhe esse retorno que recebe.
Bjo grande, Edu.

Nilson disse...

Oi, Edu, e eu finalmente chego aqui pra te dizer o quanto me emociona essa tua abordagem generosa da vida. Confesso que a timidez me impediu de ir ao tablado e compartilhar o café. Mas, gracias, não de dar um abraço no artista, no e-amigo. Feliz por ter te conhecido pessoalmente! (Ah,tô publicando um novo post hoje, e tem lá um recado pra vc tb!).