sábado, 21 de agosto de 2010

A peruca de Renata Sorrah

Ela saiu numa sexta a tarde para fazer algumas compras: esmalte e batom bem vermelhos, uma camisola verde-água e uma peruca loira. Andou ruas e ruas e ruas de uma cidade vazia, oca de tudo, sem encontrar a tal peruca.

Entrou num salão que exibia na vitrine um manequim loiríssimo de cabelo chanel e franja a la Renata Sorrah ou seria Regina Duarte? Enfim... experimentou a peruca, pechinchou o preço e guardou numa rede a jóia dourada.

- Ficou muito bem na senhora! Elogiou a vendedora.
- Não, minha filha, não é para mim. É para meu filho, ele é a Marilyn Monroe.



Foto de André Baliú


4 comentários:

Gerana Damulakis disse...

Legal! Bjo, Edu.

Chorik disse...

O que uma mãe não faz por seu filho!

Bernardo Guimarães disse...

maravilha!!!

Moniz Fiappo disse...

E que filho, hein?