quinta-feira, 23 de junho de 2011

São João, Xangô Menino

(Doces Bárbaros)

Ai, Xangô, Xangô menino
Da fogueira de São João
Quero ser sempre o menino, Xangô
Da fogueira de São João

Céu de estrela sem destino
De beleza sem razão
Tome conta do destino, Xangô
Da beleza e da razão

Viva São João
Viva o milho verde
Viva São João
Viva o brilho verde
Viva São João
Das matas de Oxóssi
Viva São João

Olha pro céu, meu amor
Veja como ele está lindo
Noite tão fria de junho, Xangô
Canto tanto canto lindo

Fogo, fogo de artifício
Quero ser sempre o menino
As estrelas deste mundo, Xangô
Ai, São João, Xangô Menino

Viva São João
Viva Refazenda
Viva São João
Viva Dominguinhos
Viva São João
Viva qualquer coisa
Viva São João
Gal canta Caymmi
Viva São João
Pássaro proibido
Viva São João

2 comentários:

Chorik disse...

Um feliz lançamento, Edu! Judite faz chorar, rir, faz viver!

Moniz Fiappo disse...

O mes de junho pra mim é todo bonito. Sto.Antonio, São Pedro, mas o melhor é a festa de S.João. Ainda me aventuro de vez em quando a ir pra terrinha onde o cheiro da fogueira misturado ao licor, as canjicas, bolos, amendoins, amigos, chuva, fumaça, música, dança, me levam ao tempo em que eu era inocente.