terça-feira, 30 de setembro de 2008

O primeiro pedaço de bolo

Hoje é o primeiro aniversário do filho com sua mãe. Para mim é uma data importante, porque a mãe quando eu nasci já havia comemorado 2 anos, portanto estou em sua vida há tanto tempo e ela é tão responsável pela minha quanto pela vida do seu filho.

Olhando o rostinho do filho lindo, sorrindo, sapecando hoje como se soubesse da comemoração da festa de sua mãezinha, penso na festa que nossa mãe é para nós, e sempre fez para comemorar nossa vida.

Hoje a comemoração está mais completa com o pequenininho sorrindo, olhando, crescendo.... Fico emocionado em pensar que a vida de minha irmã, sua mãe, está plena e que melhor forma de comemorar a vida é exatamente assim, tendo outra vida, dando a oportunidade de outra vida surgir e seguir adiante.

No tempo em que estivermos mais velhos e o sorriso, talvez banguela como o do bebê hoje, vermos como tudo foi rápido e belo e eu, no dia de minha festa tiver que escolher o primeiro pedaço de bolo..... não saberei a quem dar. A minha mãe o bolo inteiro, a minha irmã outro e a meu pequeno, então grande, tudo. Vou comemorar numa doceria e cada um pega o quiser, escolhe suas guloseimas para que eu não sofra com as escolhas.

PS- hoje que eu pensei que não escreveria nada, fiz 3 posts. quem guenta?!!!!

4 comentários:

Maria Paternostro disse...

Gostei muito de receber seu e-mail sobre meu niver. Também partí o bolo e preferí não escolher a quem dar a 1ª fatia. Bjs

Luli Facciolla disse...

Eu guento, Edu! Eu guento!!!!

Beijos

aeronauta disse...

Oi, Edu, tão lindos e afetivos todos os seus comentários no aeronauta! Sinto que tanto lá nos seus comentários quanto aqui no seus monólogos há muita emotividade, coração sempre transbordando. Bjos.

Janaina Amado disse...

Edu, cê tá inspiradíssimo, gostei dos 3 últimos posts! Também sinto como aeronauta, sua sensibilidade é imensa.